Em destaque

Capa de Benção ou Capa de Maldição

Esse texto fala de tempos difíceis da igreja, nossos irmãos sendo presos e executados. Pedro passava por essa provação, preso por anunciar o evangelho de Jesus e, alguns versículos antes, lemos: “…contínua oração por ele a Deus.”(vers.:5), mas a igreja estava em oração por Pedro. Então, lá na prisão, chega um anjo e o chama para segui-lo. Entre as orientações que o anjo lhe dá, vamos observar em especial essa, colocar a capa.

Essa

Essa passagem bíblica nos fala de Bartimeu, um homem cego , que mendigava em Jericó. A sua deficiência o tornou mendigo , vivia humilhado, dependendo das esmolas de pessoas caridosas, o que não resolvia os seus problemas, apenas amenizava.

Um pouco antes, no versículo 47 diz: “E, ouvindo que era Jesus de Nazaré…”, temos a compreensão do que mudou a vida dele,ele sabia quem era Jesus –Filho de Davi!

Ele cria que ele era o Messias prometido, certamente, esperava por essa oportunidade e dia-após-dia, sentava-se junto ao caminho, aguardando.

E, quando, Jesus passou, recebeu a sua vitória.

Lançando de si a sua capa, correu para Jesus!

Dois Homens, duas trajetórias totalmente diferentes, porém com algo em comum: capas.

Vamos trazer para a visão espiritual:

-Pedro cometeu os seus erros, era humano,porém arrependeu-se e cumpriu o seu chamado, foi pescar homens. Viveu para Jesus, sofreu por Jesus, morreu por Jesus. Adquiriu uma capa de honra, trabalhada com fios de fé e renúncia, salpicada do sangue de Jesus Cristo.

-Bartimeu tinha uma capa de enfermidade, dependência, vergonha. Mas, ao encontrar com Jesus não hesitou em lança-la de si e seguir a Jesus.

Qual é a capa que nos veste?

São tempos de luta?

Cinge a tua capa!!

Capa de fé, temor e honra ao nome de Jesus. Capa de oração, de jejum. Capa de evangelização.

Qualquer outra capa , lança fora!

Capa de fardo de pecado, de incredulidade. Capa de perdição eterna.

Lança de si e corre para Jesus!

É tempo de trocar capa de maldição por capa de benção!

Beijo da Ede

Em destaque

Meu primeiro post no blog

Anjos na terra

Para cuidar do brilho das estrelas,

Para traçar o caminho da esperança,

Para preparar os caminhos,

Para tirar os espinhos,

Para cultivar o amor.

E, para onde brilham as estrelas,

Onde ha esperança e os espinhos são superados pelo amor,

Nossos passos são atraídos para a mesma direção.

E, assim nos buscamos…

E, assim nos achamos…

Anjos na terra,

Você e Eu…

Seja você mesmo; todos os outros já existem.

— Oscar Wilde.

Este é meu primeiro post no meu novo blog. Este é só o começo do blog, então fique de olho. Assine abaixo para receber notificações das minhas postagens novas.

No caminho, uma grande multidão seguia Jesus e encontraram uma outra muitidão, com lágrimas, choro e dor, muita dor, choro e dor.

Uma mãe, com seu coração aflito, ia enterrar o seu único filho.

Mas a morte com a vida encontrou e então a vida venceu!!!

Jesus, o filho de Deus, por onde andou, seguiu seus passos, alegria, saúde e amor.

E hoje, não é diferente, quando pelos caminhos da nossa vida, levamos para sepultar nossos sonhos, projetos, tudo aquilo que nos é precioso, ao encontrarmos com Jesus, ele muda a nossa história!

Ressuscita nossos sonhos!

Restaura nossos projetos!

Nos capacita!

Nos liberta e salva!

Restitui!!!

Aceite a Jesus, hoje, como seu senhor e Salvador e tenha com Cristo, uma vida vitoriosa, para glória do nome dele.

Fique na paz do Senhor🙏🙏

Antes de Jesus, a salvação era concedida pelo cumprimento de toda a lei, e feitos os devidos sacrifícios para perdão dos pecados, para o povo de Israel.

Entretanto, para alguns pecados não havia perdão:

– Blasfemou contra Deus, morte!

– Adulterou, morte!

– Fez feitiçarias, morte!

Entre outros…

Então, nasce o senhor Jesus e estabelece um novo concerto, alicerçado sobre a graça, por meio da .

O seu sangue, puro, vertido na cruz, é o único sacrifício por pecados, apresentado e aceito por Deus e alcança a toda humanidade.

Em Cristo somos salvos, aleluia!!!

A lei do pecado já não tem autoridade sobre nós, agora somos livres da condenação e da morte eterna, pela graça.

E, temos o compromisso de anunciar o evangelho da salvação em Cristo, para que outras pessoas possam conhecer esse grande livramento dado por Deus, em Cristo.

Vamos pregar o evangelho!!!

O senhor Jesus ensinava na sinagoga em Cafarnaum, quando um homem possesso de espírito imundo apareceu e começou a falar muitas coisas.

Jesus porém, o repreendeu, como vemos no versículo acima.

Sabe o que aprendo com isso?

Quando estamos em situações onde há muito falatório, muito “barulho”, precisamos usar da mesma autoridade de Cristo.

É reprender e não dar confiança!!!

Existem situações que quem nos justifica é Deus!

Estamos aqui para fazer a obra de Deus, esse é o nosso principal objetivo e temos que ter cuidado para que nada nem ninguém tire o nosso foco.

E prosseguir com alegria a carreira que nos leva ao céu.

Ganhando almas para Cristo, saqueando o inferno e vivendo o sobrenatural de Deus.

Aleluia!!!

O senhor Jesus, anunciava a sua morte e tomou o pão e o vinho como simbologia da sua carne e sangue, fazendo assim uma aliança com os que o recebem como Senhor e Salvador em sua vida.

Através da santa ceia, a carne e o sangue de Cristo mistura-se ao nosso sangue e nos tornamos um com ele.

Isso promove em nós um aperfeiçoamento, recupera nosso estado inicial de santificação, como quando Deus criou o homem.

Nosso caráter, moral e valores são recuperados.

Em Cristo, temos de volta em nós a imagem e semelhança de Deus, para sermos apresentados a Deus, para glória d’Ele.

Vamos tomar posse do direito de ser filhos de Deus, pelo sacrifício de Cristo na cruz.

Pelo qual clamamos, Aba Pai!!!

Esse lindo salmo é visto em carros, caminhões, em folhetos e aberto nas casas sobre mesas e estantes.

Mas o que Davi sentiu para expressar isso?

Completa confiança em Deus!

Isso é o que precisamos ter!!!

E, são nos momentos de dificuldades que, em especial, temos que ter firme essa confiança.

O momento é de enfermidade?

O Senhor é seu pastor…

O momento é de desemprego?

O Senhor é o seu pastor…

O momento é de problemas familiares?

O Senhor é o seu pastor…

E não deixará faltar o recurso necessário para resolver a situação.

Não deixará faltar a força e a fé.

Não te deixará só!!!

Em tudo há um propósito de Deus, creia e confie.

Assim, seguimos com confiança, a cada dia , rumo a nossa derradeira e completa vitória, os céus.

Aleluia!!!

Deus está ensinando a Moisés, como o povo vai proceder ao tomar posse da terra.

E, nesse versículo, dá uma ordem que dá ao pobre e o estrangeiro uma forma de se alimentar, recolhendo o que cai da sega, de forma que o próprio Deus, faz cair o necessário para o alimento deles.

E, quando vemos o que aconteceu a Rute, anos depois, no campo de Boaz, exatamente colhendo as espigas caídas, vemos um Deus de planejamento, aleluia!!!

Rute chega estrangeira, humilhada e ainda responsável por sua sogra e no campo de Boaz, Deus muda a sua história, escreve nova história, trazendo da descendência de Rute a Davi.

De uma estrangeira que se alimentava da mão de Deus, Deus levanta um rei para a nação de Israel.

Ainda que você hoje esteja colhendo do que cai da sega do campo de outros, saiba que Deus está cuidando da sua história!!!

O segredo?

Teme a Deus!

Davi clama Deus!

Se encontra em apertos e muito necessitado do agir de Deus em sua vida.

Reconhece seus muitos pecados, como sendo a causa das suas aflições, e roga perdão e ajuda.

Mas, em meio as suas súplicas, ele confessa que anuncia as boas novas da salvação.

Anuncia na congregação a justiça e fidelidade de Deus!

Deus nos deu do seu bom tesouro para distribuirmos as pessoas.

Não precisamos esperar que tudo esteja bem para falar de Cristo, sua misericórdia e salvação.

Mesmo em meio a dificuldades, podemos anunciar que Deus e maravilhoso, justo e bom.

As lutas passam!

A vitória chega!

E, em todo o tempo, independente das circunstâncias, que o nosso coração esteja cheio de Deus.

Aleluia!!!

Fique na paz do Senhor 🙏

Esse versículo, fala de um momento específico na vida de Pedro, em que ficou por perto espiando sobre o que estava acontecendo a Jesus que, a pouco tinha sido preso.

E ele foi reconhecido por algumas pessoas e uma delas diz que o seu jeito de falar, demonstrava que ele era um dos que seguiam a Jesus.

Isso me chama a atenção!

O que a nossa postura diz de nós?

Quando falamos em um ambiente em que somos desconhecidos, qual a característica que se sobrepõe?

Temos em nós o jeito de Cristo?

Ou não?

Trago essa reflexão!!!

Precisamos ter uma identidade cristã.

De maneira que, possamos exalar o bom perfume de Cristo, por onde venhamos a passar.

Que o mundo possa ver brilhar em nós a luz de Jesus!

Essa linda e conhecida passagem bíblica sobre o filho pródigo, cantada em inspiradoras canções, recitada em poesias e tantas outras formas de eternizar essa lição, é hoje a mensagem que vamos refletir também.

Vamos observar que, o jovem rapaz ao desejar ir embora com sua herança, em nenhum momento há resistência do pai quanto a sua atitude.

De forma que, lhe entrega a parte que cabe ao filho.

E, também não retrata um pai depressivo ou desesperado e sim um quadro em que a vida na fazenda seguiu seu curso normalmente.

E lá, pelas cidades onde o rapaz andou e perdeu tudo, se viu em “maus lençóis”, sozinho e faminto.

E, da mesma forma que decidiu ir embora, resolve voltar.

Você percebe?

Não há interferência do pai nem em impedi-lo de ir, tampouco em persuadi-lo a voltar.

Ambas as decisões partiram diretamente do jovem.

O pai o deixa ir e também o recebe alegremente.

Deus não vai interferir em nosso livre arbítrio!

Deus nos ajuda naquilo que oramos a Ele e estamos dispostos a obedece-lo.

Mas se tomamos decisões individualmente, vamos arcar com as consequências.

Mas, o Pai estará sempre de braços abertos para nos receber quando entendemos que perto d’Ele é melhor.

Forte lição que temos aqui.

Que Deus te abençoe ricamente 🙏

Mãe

Dom de Deus, para dar a vida
aqueles a quem Deus escolheu.

Para cumprir a missão de:

Amar, cuidar, ensinar…

Dura e doce missão!

Por algumas desejada e não alcançada

Por algumas alcançada e rejeitada…

Por algumas desejada e aceita…

Por algumas, simplesmente aceita.

Ser mãe é amar mais ao filho do que a si
Ser mãe é perdoar

Ser mãe é aceitar sem julgar
Ser mãe é semear, compreendendo que só Deus pode fazer crescer a boa semente

Ser mãe é acolher, mas também deixar partir, com amor no olhar

É orar sem cessar

É acreditar

Ser mãe é dar a luz

Ser mãe é cuidar daqueles aquém outras deram a luz

Porém, a vida trouxe até a ela

É amar…

É viver…

É sorrir…

É chorar…